ÁREA DO ASSOCIADO

  • Login
  • EM CAMPO GRANDE, A CONSTRUÇÃO DA NOVA ETE SEGUE A TODO VAPOR

    29/11/2012

    As obras da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Imbirussu, da Águas Guariroba, estão a todo vapor. Com cerca de 17 milhões de recursos investidos, a previsão é de que o trabalho seja totalmente finalizado até o final de dezembro.

    A ETE Imbirussu faz parte do cronograma de obras do Sanear Morena 2, segunda etapa do Programa Esgoto 100%, cujo objetivo é tornar Campo Grande em uma das primeiras capitais brasileiras a ter todo o esgoto coletado e tratado. Hoje a rede de esgoto atinge 64% de toda a Capital. A meta é que este índice aumente para 70% até 2013.

    Quando for inaugurada, a estação terá 2 mil m² de área construída e vazão média de 120 litros de esgoto por segundo. A estimativa é de que a construção viabilize o acesso ao esgotamento sanitário em 33 bairros da cidade.

    Com investimento de R$ 57 milhões, o Programa Sanear Morena 2 inclui a implantação de 139 km de rede coletora de esgoto, e 12 km de interceptores – tubulação de grande dimensão que recebe o esgoto coletado e o transporta até a estação de tratamento. Após a conclusão desta etapa, a Águas Guariroba vai investir R$ 636 milhões para levar esgoto para toda a população.

    Para a implantação de um novo tipo de sistema de tratamento de esgoto, a Águas Guariroba, empresa do Grupo Equipav, visitou no início de 2011 algumas estações no Chile, onde a tecnologia já é utilizada. A concessionária também investiu na aquisição de equipamentos, adquiridos de fabricantes do Brasil, Estados Unidos, Alemanha, Argentina e Espanha.

    Compartilhe: